Entrar

Case Castelão - Fortaleza

A Arena Castelão, palco da Copa das Confederações em 2013, representa um dos marcos da Copa do Mundo de Futebol de 2014 no Brasil: foi o primeiro estádio, entre os 12 a ser finalizado, permanecendo abaixo do orçamento estimado, e foi também o primeiro estádio a conquistar a certificação LEED. Resultados obtidos graças aos esforços conjuntos do Consórcio Castelão e da OTEC – consultoria de sustentabilidade e eficiência energética, responsável pelo processo de certificação LEED.

O controle da poluição da obra e a utilização de materiais ambientalmente responsáveis foram incorporados à construção do edifício. No que tange à gestão de recursos, além de implantar procedimentos relativos à reciclagem de resíduos, optou-se pela reutilização de sistemas estruturais já existentes, o que garantiu uma importante redução nos impactos ambientais causados pela extração de matérias primas necessárias à execução da obra.

Para a especificação dos materiais aplicados às áreas pavimentadas e coberturas, de grande importância em uma arena do porte do Castelão, foram escolhidos materiais de altos níveis de refletância, os quais ajudam a reduzir impactos no microclima (como, por exemplo, efeitos de ilha de calor), contribuem para a redução do consumo de energia e melhoram as condições de conforto dos ocupantes. A redução do consumo de água potável foi obtida por meio da especificação de louças e metais hidrossanitários de alta eficiência, como, por exemplo, sanitários a vácuo.

A Arena Castelão é um dos principais empreendimentos a incorporar elementos de sustentabilidade e eficiência no Ceará e servirá como referência para outros edifícios públicos quanto ao gerenciamento de recursos ambientais durante sua construção e operação.

Agência Digital | Toyacom

Copyright ©2012 OTEC. Todos os direitos reservados.